domingo, 4 de outubro de 2009

Ondas

Ao dormir ouço sussurros no meu ouvido
como ondas a bater fortemente na areia da praia,
em dia de ressaca do mar.
Me perco a ponto de sentir
como se estivesse mergulhando
em águas verdes escuras claras.
Sem oscilações, sem distúrbios, sem concupiscência,
as preocupações esvaem do meu peito.
Deito, sinto, ouço, abstraio,
tudo ao som da bela orquestra
das ondas do mar.

Autor Conhecido

3 comentários:

  1. agora vivo na beira do mar, do mar do marrr. sai que vc tem alergia a maresia

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir